Olá Geeks!

Mês de junho é o mês do amor, todo mundo ama, pois depois dele já chega as férias! rsrsr Férias da faculdade, da escola, muita gente viaja e eu tenho muito mais tempo para o blog \o/
Mas falando sério sobre amor agora. Esse é um tema que eu não abordo muito aqui no blog, mas achei tão legal a ideia desse meme no Rotaroots - Blogueiros de Raiz, que resolvi postar. E a proposta foi fazer uma lista de coisas que eu aprendi e até hoje aprendo sobre relacionamentos. E vamos lá:

1. Amor Próprio

Esse é o primeiro tipo de amor que toda moça e rapaz deve ter para começar a querer pensar num relacionamento de qualquer tipo, seja amoroso, amizade, familiar e qualquer outro. Na real, ninguém ama aquela pessoa que teve uma briguinha e ela já ta falando que vai pular da ponte. Ninguém ama alguém que vive na cadeira do coitado, "Ai, ele não me ligou, o que eu  faço agora." ou " Coitada de mim, ele me largou.". Veste a roupa do amor próprio e segue a vida!



2. Beleza não se põe a Mesa...

... Já dizia a minha avó. Meninas e meninos, beleza não significa caráter, não significa maturidade e não significa amor. Beleza é tão relativo que nem deveria ser um requisito quando você vai escolher alguém, ainda mais quando você é daquelas, como eu, que quer alguém pra passar o resto da vida. A coisa mais preciosa de alguém é o que ela é por dentro.

3. Engolir sapos!

Nossa, esse tópico é bem polemico, pois querendo ou não todo mundo vai ter que engolir um sapo vez ou outra se quiser ter um relacionamento que dure, mas claro tudo com respeito. Eu me refiro a deixar de ter razão, ás vezes, ver ao futebol um domingo ou outro, fazer coisas que muitas vezes vocês preferia não fazer para agradar o outro. Entretanto isso só funciona quando os dois são maleáveis.



4. Perdão Genuíno 

Esse é o carrasco de muita gente por ai, pois a pessoa diz que perdoa, fala que esqueceu, mas quando acontece qualquer coisinha que ela não gostou, ela passa 5 horas falando dos erros que a pessoa cometeu até na vida passada. Ninguém merece e nem aguenta isso. Se não consegue perdoar, acha que a pessoa cometeu todos os erros que são inadmissíveis pra você, então querida, termina logo que é melhor. Afinal, todo mundo erra, inclusive você!

5. Quando eu tinha amigos!

É normal quando a gente começa a namorar ou casa, nós distanciarmos um pouco dos amigos e dedicarmos o nosso melhor tempo para a pessoa amada, isso é lindo. Mas quando a coisa começa a sair do controle, você não pode mais atender telefonemas, tem que excluir o facebook e parar de falar com sua melhor amiga, corre, porque isso ai já é possessão.



6. Confiança

Essa linda tem que existir em todo relacionamento. Confiança é como se fosse o pilar da relação com qualquer pessoa, quando ela vai acabando, tudo começa a desmoronar e quando você vai perceber está debaixo de um monte de escombros.



7. Sua Vez.

No tópico dois eu falei que todo mundo vai engolir um ou dois sapos uma vez na vida, mas quando a coisa começa a ficar muito pro seu lado, atenção! Não é só você que tem que abrir mão da sua vida pra que a outra pessoa seja feliz. Num relacionamento os dois lados tem que estar satisfeitos, não tem sentido ficar com alguém que só pensa nela mesma.

8. A Tampa e a Panela

Essa é uma característica bem comum nos casais que são mais felizes e duram mais tempo, eles são diferentes, mas sempre tem algo em comum. Exatamente como a Tampa e a Panela, elas são duas partes diferentes, mas tem o mesmo proposito, cozinhar alguma coisa. Não se engane uma tampa menor nunca vai caber numa panela maior, elas sempre vão precisar ter algo em comum.



9.  Independência

É uma das coisas que eu dou muito valor numa pessoa, é se ela é independente. Pelo menos pra mim, uma menina ou um rapaz que dependem de outras pessoas pra fazer tudo ainda não estão prontas pra se relacionar romanticamente com outra. Quando alguém decide se relacionar com outra, ela pensa em contar com a outra em momentos difíceis, em dividir e em ser apoiado. Mas como ela vai se apoiar em alguém que não consegue apoiar nem a si mesmo?

10. Decisão

Eu sempre achei que amor é uma coisa que você decide sentir, não é como a paixão que vem numa loucura e vai na mesma velocidade que veio. O amor precisa daquele algo mais, daquele carinho e daquele se importar. E dia após dia você vai decidindo amar mais, querer mais e passar mais tempo junto. Até que você acha que começou a amar a pessoa, mas na verdade você começou a amar no momento em que decidiu isso.



Bom pessoal, hoje eu sou casada e acho que nesse período (e antes) eu aprendi muitas coisas, ainda não sei tudo e provavelmente nunca saberei, mas essas coisas ai deram certas pra mim. Hoje eu só tenho um ano e meio de casada, mas sou muito feliz e esperar que essa felicidade dure muito mais tempo. Espero que tenham gostado de saber das coisas que eu aprendi com relacionamentos. ^^

E você, tem alguma coisa que você aprendeu com relacionamentos e não está na minha listinha? Pois então compartilha com a gente, pois relacionamentos são tão complexos que nunca é perda de tempo saber mais. 

Até a próxima!








11 Comentários

  1. Yoo!
    Gostei muito da postagem, e acho que se você não amar a si primeiro não tem como você aceitar o amor de outra pessoa sem ter um certo receio sobre isso, antes de querermos que nos amem devemos ver se conseguimos nos amar e aguentar nosso próprio peso, e acalmar um furacão de sentimentos que possa estar se formando, para termos muita certeza antes de tudo, sabe, a incerteza faz com que acabamos enrolando uma relação e a tornando cansativa a ponto dela virar uma "obrigação", por isso eu tenho em mente que primeiro vem o amor próprio e sempre devo ter certeza daquilo que sinto e não ir "na onda", porque independente de tudo não é só eu que posso me ferir no final!
    Mas emfim, parabéns por estar casada <3 É muito bom ter com quem compartilhar todos os momentos, fico feliz por você Jeh! :3

    Kissus~
    Yume no Hana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A maioria das vezes falar de amor é muito fácil, mas na hora do vamos ver é onde surge a dificuldade. Mas se você se amar, se valorizar é muito mais fácil outra pessoa fazer o mesmo.
      Obrigada, casar é um grande passo, mas eu acredito que quando chega a pessoa certa você sabe que é ela ou não, kkkk, é o risco que temos que correr. ^^

      Bjinhos

      Excluir
  2. Jeh perfeito seu post :)
    Só li verdades! Realmente em um relacionamento a pessoa vai achar tudo isso e mais um pouco. Agora um ponto que vc podia colocar era " o amor vc não procura, ele te acha" num adianta sair por ae caçando um(a) namorado(a) isso é algo que acontece naturalmente sem vc nem perceber. Outro detalhe é que seu amor tem que ser seu/sua melhor amigo (a). Só assim para o romance dar certo, não adianta vc encontrar alguém só pra vc sair por ae mostrando e afins. Sobre brigas ... TODO MUNDO briga um dia, amigos, familiares, um amor num eh diferente. ;3

    Mds Jeeh se eu for ficar falando disso vou fazer uma redação -Q Então vou parar por aqui, mas eu gostei muito do post !!! <3

    Nogitsune

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, Ray, quando menos você espera o amor bate a sua porta e às vezes nem espera você abrir, ele pula a janela mesmo e te pega de surpresa. kkk
      Ainda ficaram várias coisas fora desse post, claro, o amor é tão complexo, quem sou eu pra conseguir falar tudo, rsrs, além de que eu também ainda tenho muitas coisas pra aprender. ^^

      Bjinhos

      Excluir
  3. Nossa que post ótimo!
    Eu também aprendi muita coisa com relacionamentos viu? principalmente o me amar mais

    http://meubaudeestrelas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que curtiu, talvez eu fale mais do tema aqui no blog, então. ^^
      Se amar é muito importante, não é?

      Bjinhos ^^

      Excluir
  4. Tivemos experiências bem parecidas, Jeh!
    e foram válidas, hoje posso dizer isso sem medo algum ^^

    Beijos
    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro que sim, toda experiencia é válida, nem que seja como aprendizagem. Essas experiencias são o que fazem de você o que é hoje, o resultado de tudo o que você viveu.

      Bjinhos

      Excluir
  5. Ah que lindo, não tenho nada a dizer, já disse tudinho!! Eu comecei a aprender sobre esse tipo de coisa agora, principalmente depois de ter levado um pé na bunda e pensado tanto sobre isso. Ah esse primeiro ponto é muito importante mesmo! Se você não estiver bem consigo mesmo nem tem como pensar em começar um relacionamento. Nem seguir em frente se os outros pontos não estiverem em concordância. Até porque é um relacionamento, então não é só você ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bruna, que chato, quem foi esse malvado?
      Mas espero que essas dicas tenham te ajudado e que o fim desse relacionamento também tenha te ensinado muitas coisas.
      Experiencias são a melhor forma de você aprender como lidar com isso.
      Mas agora que está solteira aproveite sua solteirisse e dedique tempo pra você mesmo, pra sua familia e amigos.^^

      BJinhos e Boa Sorte

      Excluir
  6. Amei sua lista.
    O legal é saber que o mesmo tema abre um leque de respostas né?!
    Depois de alguns caras errados o certo me encontrou e me fez entender que relacionamento vai muito além de um eu te amo dito da boca pra fora, na verdade me mostrou.
    E se curta mesmo, saiba ser sua melhor companhia.
    Beijos

    tecontopoesia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir